© 2016. Orgulhosamente criado por SELO CRIATIVO

Ligue:

+55 13 3467 4723

Endereço: 

Rua Osvaldo Eduardo 138, São Vicente/SP

CNPJ

02.360.954/0001-30

Please reload

Posts Recentes

Doe sua nota fiscal e participe do Camará

June 11, 2019

1/4
Please reload

Posts Em Destaque

Mostra Cultural e Assembleia Geral consolidam ciclo de 2019

December 23, 2019

No final de semana de 07 e 08 de dezembro crianças, adolescentes e jovens dos grupos do Instituto Camará Calunga se encontraram. 

 

No dia 07 aconteceu a assembleia geral, na qual meninos e meninas dos territórios da Vila Ema, Vila Margarida, Quarentenário, Japuí, Parque Bitarú, Sá Catarina de Moraes e Sambaiatuba em São Vicente. Em um dos momentos,  os grupos se reuniram por territórios e depois num grande e mesmo espaço de plenária no qual eles disseram o que enfrentam no dia a dia em seus lugares de vida para coletivamente pensarem formas de enfrentamento e também apontaram caminhos para o planejamento de ações do Instituto para 2020. 

 

Saiba mais sobre o dispositivo de assembleia: https://www.camaracalunga.com/assembleia-comunitaria

 

No dia 08 de dezembro aconteceu a Mostra Cultural do Camará, que  apresentou e integrou os coletivos com as produções artísticas e culturais.

 

Foram apresentadas as seguintes produções artísticas: 

 

Os dois lados da Cidade –  Encenado pelo Grupo de Teatro da Escola Estadual José Nigro, sob a direção de Igor Ferreira, que contou a história de amizade entre uma pomba e um urubu, ambos vivendo em territórios muito distintos da cidade. A peça trouxe ao público reflexões sobre diferenças sociais, preconceitos e amizades. 

 

Canto Coral com as crianças do grupo que se encontra na Escola Municipal de Ensino Fundamental Renan Alves Leite, com apresentação de coco e com a regência de Juliane Spina. Houve apresentação também do Coral Vozes Calungas, composto por jovens, adolescentes e adultos que se encontram na sede do Camará. 

 

O grupo Coisa de Preta apresentou espetáculo com o mesmo nome, e trouxe em  seu repertório poético, audacioso e crítico coreografias que passam pelos ritmos livres da dança. Fazendo-nos pensar sobre os movimentos dos corpos femininos, corpos pretos, corpos favelados e os corpos infantis. A produção artística foi de Juliana Menezes, Luana da Silva, Michelle Lima e Valéria Alves.

 

O Curta Metragem A Ilha Calunga, produzido e encenado também em paco pelo grupo de teatro das crianças do Sambaiatuba. Um grupo de 11 crianças apresentam o tema do aquecimento Global por meio de brincadeiras e cenas dos seus cotidianos e destacam as metodologias camaradas que proporcionam encontros entre pessoas, formações e debates. A produção de texto foi das crianças do coletivo e a produção foi de Igor Ferreira, Michele Lima, Matheus  Bohnenstengel e Priscila Karaver. 

 

O Desfile Recicláveis, apresentado pelo Grupo do Sambaiatuba e que apresentou modelos crianças e adolescentes, um figurinista fashion, com roupas com produtos 100% reutilizáveis.

A produção artística foi de  Cristian Teixeira, Fábio Augusto, Igor Ferreira, Michelle Lima, Matheus Bohnenstengel e Priscila Karaver e os responsáveis foram  Igor Ferreira e Michelle Lima

 

Fechando a tarde, houve apresentação do Grupo Percussivo Afro Calunga, do  Coletivo  Quarentenário. O grupo trabalha com foco nas manifestações de cultura popular brasileira, como o Samba-Reggae, Afoxés e Samba Enredo, tem na percussão foco nos seguintes instrumentos: surdo, malacacheta, repinique, tamborim, ganzá e agogô. O grupo trabalha e estuda a história do povo negro e suas reverberações na contemporaneidade, além de se fazer presente nos movimentos de luta pelos direitos da criança e do adolescente. A produção artística é de Guilherme Zupo e Deivson Santana.

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags